O que é intolerância a lactose? 5/5 (1)

Você sabia que a intolerância a lactose atinge até 70% dos adultos em nosso país? Inclusive, é possível que você tenha algum sintoma mais brando da intolerância, e por isso ainda não tenha sido diagnosticado.

A intolerância a lactose é uma doença que dificulta a ingestão de alimentos lácteos, devido a baixa ou inexistente produção da enzima lactase, que é necessária para absorção da lactose. Ou seja, intolerância a lactose é a incapacidade parcial ou total de digerir a lactose presente em derivados do leite.

Imagine que você, que sempre consumiu leite, queijo e iogurte, agora sente inchaço e fortes dores na barriga logo após ingerir esses alimentos! Isso pode ser um sintoma da doença. Esse e outros sintomas podem aparecer no momento seguinte à ingestão de derivados do leite ou horas depois, se tornando padrão.

intolerancia lactose

Como diagnosticar a intolerância a lactose?

A intolerância a lactose é uma doença que pode ser facilmente confundida com alergia ao leite. Por isso, o diagnóstico é observado da forma mais cuidadosa possível.  

lactasePara você entender melhor, a alergia ao leite é uma reação à proteína do leite. Pessoas alérgicas costumam ter problemas até mesmo ao sentir o cheiro do leite ou encostar nele. Já o intolerante pode consumir porções mínimas (abaixo do consumo normal) de derivados do leite.

O diagnóstico para intolerância a lactose é feito à base de observação da rotina alimentar e de teste. No teste, o paciente ingere em jejum uma dose pequena de lactose e, durante duas horas, os níveis de glicose são verificados a partir de amostras sanguíneas. O teste analisa a digestão de açúcar do leite. Se o nível de glicose não aumentar, é porque as células de lactose não foram quebradas, logo o paciente é intolerante a lactose.

Quais são os sintomas de intolerância a lactose?

Os sintomas de um intolerante à lactose são de trato intestinal. Portanto, ao consumir derivados do leite ou alimentos que contenham leite (lactose), ele irá sentir: constipação, distensão abdominal, gases, diarreia, náusea.

Esses sintomas variam a depender do nível de intolerância da pessoa. A mais comum e que atinge a maioria das pessoas, sem levá-las a um tratamento rigoroso, é a chamada deficiência primária. Já a deficiência secundária, que exige a retirada da lactose da dieta, pode incorrer em outras doenças, como celíaca,  síndrome do intestino irritável e doença do Chron.

Enquanto isso, a deficiência congênita, mais comum em bebês que nascem sem produzir a lactase, é a mais grave.

Há uma grande diferença entre os termos intolerância e a alergia.

intolerancia lactose

Como é a alimentação de um intolerante a lactose?

A intolerância a lactose não tem cura, mas os sintomas podem desaparecer mediante a uma dieta sem lactose. Vale consumir alimentos deslactados ou com baixo teor de lactose. Hoje, a oferta de produtos desse tipo tem sido maior devido o aumento de diagnóstico da doença.

Intolerantes a lactose devem evitar:  leite de vaca, leite de cabra, queijo fresco, manteiga, bolachas, bolos, adoçantes em pó etc. E podem inserir na dieta: leite com baixa lactose, leite de soja, leite de arroz, queijos brie, camembert, roquefort, cheddar, parmesão, prato e emmental.

Avalie este post!

Você também pode gostar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *